quarta-feira, 14 de maio de 2014

Para mim o que não faz sentido é não acreditar

Na minha caminhada de regresso a casa, vinha a fazer não só uma viagem física mas também interior. Vinha a reflectir sobre a minha atitude em relação aquilo em que acredito. Foi então que me lembrei da frase de um grande amigo, As coisas têm o valor que nós lhes atribuímos.

Quando dei por mim, já estava a caminhar na direcção da igreja que tem na zona onde vivo, onde se celebrava a Eucaristia. Entrei, a questão que ouvi e ficou no meu coração foi, porque é que tantas vezes negamos a evidencia de Cristo?
São estas e outras curiosidades que ao longo da minha vida me fizeram pensar na existência de um sentido maior e melhor para minha vida. Que me fizeram pensar que no mundo há muitos corações lisos onde só há terra e pó e não têm uma única erva, mas há também corações onde uma semente pode ganhar vida, raiz e se for cuidada ganha o cale depois o tronco, a folha e desbota a flor. Todos podemos fazer crescer a semente que há em nós e assim ter um coração alegre cheio de flores.

O que sente o coração em flôr:
Alguma vez vos aconteceu perderem-se no olhar de alguém? Nas palavras, num abraço...
Alguma vez vos aconteceu sentir um arrepio de felicidade? Quase como a lágrima de felicidade mas ainda melhor porque arrepia a espinha..
Alguma vez sentiram um aperto no coração?
Bem, eu considero-me uma sortuda por já ter sentido estas sensações.. E digo-vos é magnifico, é o momento em que percebemos a razão por todas as lutas que enfrentamos.
A melhor forma de deixar estes sentimentos acontecerem, de deixar chegar ao coração é estar tranquilo, é tirar todo o lixo que nos enche a mente e o espírito..
Seja o que for que te consome o pensamento larga por um pouco, deixa o teu cérebro descansar e o teu coração ter a oportunidade de sentir.


#Me:  Lá estou eu a sentir o poder da natureza