sábado, 21 de fevereiro de 2015

O que te move?

O que nos move não é o que temos mas sim o que desejamos.

Devemos viver de forma ousada,
Quem não ousa investigar os mistérios do coração não será capaz de viver a contemplação.
É como a arte, não há um artista satisfeito, porque se ele ficar satisfeito ele acaba ali a sua obra.
É como o amor, não é perfeito, mas é incondicional e sem fim.

O que já alcançamos é apenas o ponto de partida. O desafio é olhar para o que não temos e não perceber nisso uma frustração, mas sim uma motivação um desejo que nos leve adiante.